Diretoria Executiva realiza sua 80ª reunião

Desde o início da Gestão 2019-2021 da APERGS, uma rotina de encontros semanais da Diretoria Executiva foi estabelecida para defender a valorização e os interesses da classe. Mesmo diante de todos os desafios impostos pela impossibilidade dos encontros presenciais, a reunião de número 80 aconteceu no dia 31 de agosto.

Os encontros acontecem semanalmente. Desde a posse, em dezembro de 2019, quase todas as reuniões contaram com a presença de 100% dos(as) integrantes do colegiado. Durante o período em que o grupo vem se reunindo, a formação heterogênea — composta por integrantes da capital e do interior, ativos com diferentes tempos de ingresso na PGE e aposentados — tem representado de muitas formas os interesses de associados e associadas.
Reunião da Executiva em 10 de fevereiro de 2020; Primeiro encontro com o então Presidente da ANAPE, Telmo Lemos Filho
“Decisões coletivas são sempre melhores e mais sábias do que as individuais. E são fundamentais, especialmente em se tratando de uma entidade de Classe, em que representamos todos(as) os(as) colegas”, destaca o Presidente da APERGS, Carlos Henrique Kaipper. “Algumas lideranças pecam por quererem dividir apenas as tarefas, mas não as decisões. A prática democrática certamente é mais trabalhosa, mas é indispensável, até porque quando participamos das decisões nos sentimos mais motivados a trabalhar pelas deliberações tomadas pelo Colegiado. Na Executiva acertamos e erramos juntos”, acrescenta.
Durante o evento do Dia do Procurador, em 2020
A busca pelo consenso de forma coesa, construtiva e democrática também é feita por meio da atuação dos Departamentos e Núcleos da Associação. O trabalho coletivo tem ajudado a suprir os mais diversos desafios, especialmente pelo fato desta ser a primeira Gestão da APERGS com apenas um membro licenciado para o exercício de mandato classista. Todos os encontros periódicos contam com a frequente participação do Presidente Kaipper ou com a presença de algum membro da Executiva. O objetivo? Ouvir e levar adiante as demandas que chegam através desses fóruns.
“Somos um grupo bem representado, inclusive em termos de paridade de gênero. Sempre construímos e discutimos todas as questões necessárias em conjunto. Ressalto o espírito democrático do Presidente Kaipper, que não tem qualquer problema em encaminhar as demandas, mesmo que eventualmente vencido nas decisões”, diz Helena Maria Silva Coelho, Vice-Presidente para Assuntos Institucionais e Políticos.

Além de ser composta por membros da Capital, interior, que ingressaram na PGE-RS no mais recente concurso e alguns mais antigos na carreira, a Executiva também reúne as experiências de quem já integrou gestões anteriores da Associação, até mesmo como Presidentes — como Helena Maria Silva Coelho (1997 – 2000) e Frederico de Sampaio Didonet (2004 – 2005).

“A maioria das questões dos associados são levadas para a Diretoria Executiva decidir. Isso é feito de forma coletiva e participativa, onde todos têm condições de contribuir. Não é raro entrar numa reunião com uma sugestão de solução para uma determinada demanda e sair com outra muito mais adequada. O amplo debate, com colegas representantes de diversos grupos da nossa classe, torna, inclusive, essas decisões mais legítimas e atendendo as expectativas dos associados”, ressalta o Diretor Designado Pedro Campos Marques. O Procurador também avalia que esta é uma experiência muito importante e gratificante. “Aprendo muito com os debates e a experiência dos colegas, inclusive sobre a própria história da PGE-RS e da APERGS”, completa.

As primeiras reuniões já eram em formato híbrido para viabilizar a participação dos integrantes que moram no interior, e a APERGS se adaptou ao formato 100% virtual em razão da pandemia.
Com a pandemia, reuniões passaram a ocorrer em formato virtual
“Mesmo que ainda não seja possível o reencontro físico, realizamos uma série de atividades para manter os colegas atualizados com todas as pautas, como os Cafés com a Presidência, os Happy Hours Cultural e Jurídico, Diálogos APERGS e, mais recentemente, o 30º Encontro Estadual. A colaboração e confiança em nossa Gestão é o que torna possível os avanços!”, completa Kaipper.
Primeira edição do Café com a Presidência, em fevereiro de 2020.
O Presidente finaliza destacando o trabalho pelo reconhecimento da legalidade das normas sobre os honorários de sucumbência no Supremo Tribunal Federal, no Tribunal de Justiça e, atualmente, para que o veto do Governador à emenda nº 5 do Projeto de Lei Complementar nº 163/2021 não seja derrubado na Assembleia Legislativa (mais informações abaixo).

Kaipper também ressalta a atuação em outras prerrogativas, como a implementação do teletrabalho, o direito ao exercício da Advocacia Plena e a regulamentação das sessões híbridas do Conselho Superior (especialmente para que colegas lotados(as) no interior e em Brasília tenham maior possibilidade de participarem do órgão máximo da PGE-RS).

Membros da Diretoria Executiva:
Presidente: Carlos Henrique Kaipper
Vice-Presidente para Assuntos Institucionais e Políticos: Helena Maria Silva Coelho
Vice-Presidente Administrativo e Financeiro: Patrícia Bernardi Dall’acqua
Vice-Presidente de Núcleos: Luciane Buaes Dorneles
Secretária Executiva: Daniele Brasil Lerípio
Secretário-Geral: Leandro Augusto Nicola de Sampaio
Diretor Designado: Frederico de Sampaio Didonet
Diretor Designado: Pedro Campos Marques