25 de Janeiro de 2019

Campanha faz alerta contra o trabalho escravo no Rio Grande do Sul



Nos últimos 14 anos, 31 operações de resgate de trabalhadores em situação semelhante à escravidão foram realizadas no Rio Grande do Sul, resgatando ao todo 321 pessoas. Em 2018, 1.398 pessoas foram encontradas nesse tipo de condição no país. Em 20 anos, foram libertadas 49.816 pessoas desta situação.

Os dados, da ONG Repórter Brasil, revelam a gravidade do problema – e, mais do que isso, indicam a importância de ações para acabar com esse quadro. No Dia Nacional de Combate ao Trabalho Escravo, promovido na próxima segunda-feira (28), um alerta será feito a toda a população.

Como forma de conscientizar a sociedade, a Comissão Estadual de Combate ao Trabalho Escravo no Rio Grande do Sul (COETRAE-RS) está realizando uma campanha online e off-line. A Associação dos Procuradores do Estado do Rio Grande do Sul (Apergs), que integra a comissão, apoia a iniciativa, já realizada em anos anteriores. Fazem parte da programação a distribuição de folders impressos, publicação de conteúdo nas redes sociais, entre outras frentes.

Um dos diretores do Departamento de Direitos Humanos da Apergs e representante da entidade na COETRAE-RS, Carlos Henrique Kaipper, ressalta a relevância da campanha. “Pode-se achar que isso não acontece mais no Brasil, que foi efetivamente abolido. Porém, essa prática ainda persiste através de condições extremas de exploração”, afirma o procurador do Estado.

Quatro elementos principais configuram o trabalho escravo: jornada exaustiva, trabalho forçado, condições degradantes e servidão por dívida. Para denunciar esse tipo de situação, disque 100 ou procure o Ministério Público do Trabalho ou a Delegacia Estadual do Ministério do Trabalho e Previdência Social no Rio Grande do Sul.

Fonte: Assessoria de imprensa/APERGS

 
 


28/Jan/2019 - Uma resposta rápida

25/Jan/2019 - Campanha faz alerta contra o trabalho escravo no Rio Grande do Sul

10/Jan/2019 - Presidência da Apergs é recebida pelo governador Eduardo Leite

02/Jan/2019 - Decisão da Procuradoria-Geral do RS concede área governamental a indígenas

21/Dez/2018 - Outro ciclo de realização profissional que se encerra